PROTEJA A VIDA DE VINCENT LAMBERT

PETIÇÃO DIRIGIDA AO PRESIDENTE DA FRANÇA

 

PROTEJA A VIDA DE VINCENT LAMBERT

0200.000
  141.078
 
141.078 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 200.000 assinaturas.

PROTEJA A VIDA DE VINCENT LAMBERT

No dia 20 de maio, o hospital de Reims, na França, onde Vincent Lambert está vivendo, começou a sedá-lo profundamente e a retirar o tubo que lhe fornece comida e água. No final do dia, um Tribunal de Apelação em Paris ordenou que ele continuasse a receber alimentos e líquidos.

Na sexta-feira passada, 28 de junho, a mais alta corte da França revogou a decisão do Tribunal de Apelação em Paris e agora Lambert está novamente sendo sedado e será desidratado até morrer.

Lambert, que vive com uma deficiência cognitiva desde um acidente de moto em 2008, respira sozinho e não requer tratamento médico, apenas requer cuidados básicos, incluindo alimentos e líquidos. Sua esposa fez uma petição ao tribunal em 2015 para que alimentos e líquidos fossem retirados enquanto seus pais tentavam salvar sua vida.

Há algumas semanas, o Comitê das Nações Unidas para os Direitos das Pessoas com Deficiência pediu ao governo francês para impedir que Vincent Lambert fosse morto por desidratação. Eles afirmaram que a morte de Lambert por desidratação viola seus direitos como pessoa com deficiência. A Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência determina o seguinte:

25 (f) Impedir a negação discriminatória de cuidados de saúde ou serviços de saúde ou alimentos e líquidos com base na deficiência.

Esta petição é destinada ao Presidente da França, Emmanuel Macron, instando-o a intervir no caso de Vincent Lambert, que é uma pessoa com deficiência.

Lambert não está morrendo e, portanto, impedir que receba alimentos e líquidos fará com que ele morra de desidratação.


Veja abaixo a tradução da carta ao lado, que será enviada ao presidente Macron.

Escrevo esta mensagem porque o sr. é a única pessoa com o poder de intervir no caso de Vincent Lambert. 

Em abril de 2018, durante o seu discurso no Collège des Bernardins, (uma academia católica francesa) você disse o seguinte:

"Consideramos que o nosso dever é proteger a vida, especialmente quando esta vida é indefesa. Da vida do feto à pessoa no limiar da morte ou da vida do refugiado que perdeu tudo, vemos esse traço comum de indigência, nudez e absoluta vulnerabilidade ".

Você é a única pessoa que pode impedir o assassinato de Vincent Lambert.

Vincent Lambert não está no fim de sua vida, ele está incapacitado. Uma poderá ser morta por causa de sua deficiência.

Certamente você não quer ser lembrado como o Presidente da República que restabeleceu o conceito de eutanásia involuntária para os mais vulneráveis!

Você ainda pode salvar Vincent Lambert.

Um gesto corajoso de sua parte para proteger e defender a vida será registrado para a posteridade.

+ Letter to:

Assine esta petição agora!

 
Please enter your first name
Please enter your last name
Please enter your email
Please enter your country
Please enter your zip code
Por favor, escolha uma opção:
Procesamos seus dados pessoais de acordo com nossas Política de privacidade e nossos Termos de uso.Ao assinar você aceita os termos de uso da CitizenGO e sua política de privacidade, e aceita receber mensagens de e-mail sobre nossas campanhas. Você pode cancelar seu cadastro na lista a qualquer momento.

Monsieur le Président, sauvez Vincent Lambert

Monsieur le Président de la République,

Je vous écris, car vous êtes le seul à pouvoir intervenir.

En avril 2018, lors de votre discours au collège des Bernardins, vous affirmiez :

« Vous considérez que notre devoir est de protéger la vie, en particulier lorsque cette vie est sans défense. Entre la vie de l’enfant à naître, celle de l’être parvenu au seuil de la mort, ou celle du réfugié qui a tout perdu, vous voyez ce trait commun du dénuement, de la nudité et de la vulnérabilité absolue. »

Vous êtes la seule personne à pouvoir empêcher le meurtre de Vincent Lambert.

Vincent Lambert n’est pas en fin de vie, il est en situation de handicap. Or, c’est une mise à mort d’un handicapé qui est en train d’être réalisé.

J’imagine que vous ne voulez pas être le Président de la République qui rétablirait l’euthanasie des personnes les plus fragiles.

Vous pouvez encore sauver Vincent Lambert.

L’histoire retiendra ce geste de courage de votre part pour protéger la vie.

Je vous prie d’agréer, Monsieur le Président de la République, l’expression de ma considération la plus distinguée.


Senhor Presidente da França,

Escrevo esta mensagem porque o sr. é a única pessoa com o poder de intervir no caso de Vincent Lambert. 

Em abril de 2018, durante o seu discurso no Collège des Bernardins, (uma academia católica francesa) você disse o seguinte:

"Consideramos que o nosso dever é proteger a vida, especialmente quando esta vida é indefesa. Da vida do feto à pessoa no limiar da morte ou da vida do refugiado que perdeu tudo, vemos esse traço comum de indigência, nudez e absoluta vulnerabilidade ".

Você é a única pessoa que pode impedir o assassinato de Vincent Lambert.

Vincent Lambert não está no fim de sua vida, ele está incapacitado. Uma poderá ser morta por causa de sua deficiência.

Certamente você não quer ser lembrado como o Presidente da República que restabeleceu o conceito de eutanásia involuntária para os mais vulneráveis!

Você ainda pode salvar Vincent Lambert.

Um gesto corajoso de sua parte para proteger e defender a vida será registrado para a posteridade.

Atenciosamente,
[Seu nome]

PROTEJA A VIDA DE VINCENT LAMBERT

Assine esta petição agora!

0200.000
  141.078
 
141.078 pessoas já assinaram esta petição. Ajude-nos a conseguir 200.000 assinaturas.